Publicada em 10/11/2017 às 17h54

Terceiro dia de Congresso Mundial comemora Dia do Intensivista

O terceiro dia do XIII Congresso Mundial e XXII Congresso Brasileiro de Medicina Intensiva é marcado pela comemoração do Dia do Intensivista, uma data em que toda a sociedade reconhece e agradece a estes profissionais tão fundamentais por todo seu empenho e amor intenso pela vida.

Para dar visibilidade às histórias de vida dos nossos intensivistas, a AMIB preparou para as mídias sociais uma série de vídeos com depoimentos dos presentes no congresso respondendo a pergunta “Porque você escolheu essa missão de ser intensivista?”.

Abrindo a série, o presidente do Congresso Mundial, dr. Álvaro Réa-Neto responde no vídeo que você pode assistir clicando neste link: “Sempre que me perguntam porque me tornei um médico intensivista não sei bem como responder, porque nunca houve essa dúvida. Posso dizer que não escolhi, mas fui escolhido pela medicina intensiva”.

Além dos vídeos, a AMIB realiza a campanha Amor Intenso pela Vida, que homenageia àqueles que lutam todos os dias pela UTI. Você pode colaborar a difundir a importância dos profissionais de Medicina Intensiva compartilhando os conteúdos da campanha: https://amorintensopelavida.com.br/

Difusão de conhecimento

Além das campanhas do dia do intensivista, a AMIB comemora se reunindo para debater e propor melhorias para a plataforma ensino à distância. O EAD é a realização de um sonho antigo que se concretiza em fevereiro deste ano e que, em poucos meses, alcançou mais de 3500 acessos.

Além da reunião, foram premiados os comitês e departamentos que contribuíram com maior número de aulas e diversidade de professores para a plataforma. São homenageados o presidente do departamento de Odontologia, José Augusto Silva, a presidente do Comitê de Trauma, Fernanda Reese, Lara Kretzer, presidente do comitê de Cuidados Paliativos e a presidente do departamento de Enfermagem

A AMIB agradece a contribuição e apoio de todos!

Transpondo fronteiras

A AMIB e a SPCI, Sociedade Portuguesa de Cuidados Intensivos, trabalham juntas neste congresso e deliberam a criação da Sociedade Lusófona de Terapia Intensiva. A sociedade terá como objetivo a capacitação, captação de recursos e fomento à criação de sociedades intensivas locais para os países em desenvolvimento de língua portuguesa.

Participam da sociedade, neste primeiro momento, Cabo Verde, Guiné, Moçambique e Angola. Doutora Mirella de Oliveira, presidente da AMIB comenta que Cabo Verde e Guiné, por exemplo, não possuem nenhuma unidade de terapia intensiva. Para a presidente, a associação tem o dever de difundir conhecimento e, a primeira ação será disponibilizar a plataforma EAD e periódicos gratuitamente.

Comentários

+55 11 5089-2642

AMIB 2012 Todos os direitos reservados

Convergence Works