Publicada em 12/11/2017 às 13h04

AMIB promove prova prática para obtenção de Título de Especialista em Medicina Intensiva

Acontece hoje a prova prática para obtenção de Título de Especialista em Medicina Intensiva Área Adulto. São 362 participantes da etapa, que conta com avaliação de casos clínicos e quatro estações práticas: Ventilação Mecânica, Monitorização Hemodinâmica, Procedimentos, RCP/Vias Aéreas.

A obtenção do título é extremamente importante para o profissional pois, uma vez aprovado, o especialista passa a ter direito de ser coordenador da unidade.

“É por isso que, entre outras competências, devemos ter conhecimento de gestão, pois seremos responsáveis pela manutenção da qualidade de toda a unidade e segurança do paciente, não só atuando como médico, mas como líder de toda uma equipe multidisciplinar e interdisciplinar” comenta dra. Patrícia Mello, diretora Secretária Geral.

Doutor Jorge Luis Valiatti, diretor executivo do Fundo AMIB, comenta que ao longo dos anos a prova foi aprimorada. “A prova vem evoluindo ao longo dos anos e é uma grande conquista, pois estamos avaliando nossos pares, para tentar melhorar a qualidade dos serviços prestados nas UTIs brasileiras” explica.

O médico intensivista Fábio Bombarda, que há doze anos atua na UTI da Santa Casa de Araçatuba, realizou a prova e comenta que a certificação é o objetivo máximo para conquistar credibilidade dentro da especialidade. “A prova é extremamente bem feita, estruturada e aborda pontos importantes tanto teóricos quanto práticos. Independente do resultado, a preparação para a prova por si só é um ganho imensurável” conclui dr. Bombarda.

São mais de 130 profissionais avaliadores, entre eles, dr Rui Moreno, ex-presidente da Sociedade Portuguesa de Medicina Intensiva e da Sociedade Europeia de Medicina Intensiva e membro honorário da AMIB, que participa pela quarta vez como observador da prova de título e considera o nível da prova brasileira e dos candidatos bastante alto.

Além da Certificação em MI Adulto, acontece simultaneamente a prova para obtenção de título nas áreas de Pediatria e Enfermagem. A certificação em enfermagem é uma parceria com a Associação Brasileira de Enfermagem e Terapia Intensiva - ABENTI.

Conversamos com a profª drª Débora Feijó Vieira, presidente da ABENTI e Andrezza Franco, vice-presidente da ABENTI, que ressaltam que a maior importância da prova é a entrega e preocupação para que os enfermeiros tenham uma qualificação para poder atender às necessidades do paciente.

“Nós temos a RDC 137 da Anvisa, resolução publicada em fevereiro deste ano, que dispõe que toda a chefia de enfermagem nas UTIs devem obter a certificação, de título especialista” comenta a presidente da ABENTI Débora Feijó Vieira.

Doutor Paulo David Ramos, vice-presidente da AMIB, ressalta o aumento de candidatos em Pediatria: “Este ano houve um aumento grande de candidatos, superamos 100% de aumento. É um número alto e é nossa maior felicidade saber que pediatras cada dia mais se articulam, participam e buscam se certificar”.

Para finalizar, dra. Luana Tannous, presidente da comissão de títulos, comenta a importância da avaliação ser realizada por uma comissão grande de médicos certificados, que estão inseridos no dia a dia da terapia intensiva e que na maioria das vezes lideram equipes.  

“Consideramos a prova de título o ápice do nosso término de atividades do ano. Vejo como muito valioso muita importância para os colegas que estão buscando o título o fato da certificação ser realizada por seus pares” conclui doutora Luana.

Os resultados finais estarão disponíveis no site da AMIB em 2 de dezembro.  

Comentários

+55 11 5089-2642

AMIB 2012 Todos os direitos reservados

Convergence Works